João 2 1-11 - Mensagens Evangélicas da Palavra de Deus


Jesus transforma água em vinho

Três dias depois, houve um casamento em Caná da Galiléia, e estava ali a mãe de Jesus; e foi também convidado Jesus com seus discípulos para o casamento. E, tendo acabado o vinho, a mãe de Jesus lhe disse: Eles não têm vinho. Respondeu-lhes Jesus: Mulher, que tenho eu contigo? Ainda não é chegada a minha hora.
Disse então sua mãe aos serventes: Fazei tudo quanto ele vos disser.
Ora, estavam ali postas seis talhas de pedra, para as purificações dos judeus, e em cada uma cabiam duas ou três metretas. Ordenou-lhe Jesus:
Enchei de água essas talhas. E encheram- nas até em cima. Então lhes disse: Tirai agora, e levai ao mestre-sala. E eles o fizeram. Quando o mestre-sala provou a água tornada em vinho, não sabendo donde era, se bem que o sabiam os serventes que tinham tirado a água, chamou o mestre-sala ao noivo e lhe disse:
Todo homem põe primeiro o vinho bom e, quando já têm bebido bem, então o inferior; mas tu guardaste até agora o bom vinho.
Assim deu Jesus início aos seus sinais em Caná da Galiléia, e manifestou a sua glória; e os seus discípulos creram nele. João 2:1 a 11

Aquele casamento seria um casamento como outro qualquer caso não estivesse ali o Senhor Jesus Cristo. Aos trinta anos de idade o Senhor Jesus dava inicio a grande transformação que Ele faria na história da humanidade. Nada melhor do que os símbolos da água e do vinho para demonstrar essa espetacular renovação que o senhor da luz estava trazendo para a vida de toda humanidade.

A água, símbolo da purificação, substância utilizada no batismo de João Batista agora era transformada no vinho. A presença do vinho nos leva a compreender algumas palavras que o Senhor Jesus nos disse na Santa ceia:

15 E disse-lhes: Tenho desejado ardentemente comer convosco esta páscoa, antes da minha paixão; 16 pois vos digo que não a comerei mais até que ela se cumpra no reino de Deus. 17 Então havendo recebido um cálice, e tendo dado graças, disse: Tomai-o, e reparti-o entre vós; 18 porque vos digo que desde agora não mais beberei do fruto da videira, até que venha o reino de Deus. 19 E tomando pão, e havendo dado graças, partiu-o e deu-lho, dizendo: Isto é o meu corpo, que é dado por vós; fazei isto em memória de mim. 20 Semelhantemente, depois da ceia, tomou o cálice, dizendo: Este cálice é o novo pacto em meu sangue, que é derramado por vós. Lucas 22:15 a 20


“Este é o novo pacto em meu sangue que é derramado por vós.”

Ali, naquele casamento Jesus começava a grande jornada redentora do nosso Grande Deus e Amigo Jesus. Ali naquela festa de casamento, a festa que celebra a união entre duas pessoas, a festa que marca o inicio de uma nova família, o Senhor Jesus Cristo já mostrava que o homem não poderia ser feliz se na vida dele não estivesse presente o Senhor Jesus Cristo.

Aquele casamento, de uma forma análoga, simboliza também a nossa necessidade e dependência do nosso Deus. Mais tarde o Senhor Jesus veio a comprovou isso quando Ele nos disse que Ele era a videira verdadeira e nós os ramos e que, sem Ele, nós não poderíamos fazer nada.

A vida com o Senhor Jesus Cristo é assim. Podemos ficar longe dEle o quanto quisermos, mas só seremos verdadeiramente felizes, só termos as nossas necessidades supridas, só teremos a nossa vida verdadeiramente transformada e feliz quando nos casarmos com o Senhor Jesus Cristo. Quando firmarmos com Ele um pacto de amor assim como Ele fez conosco quando por meio do seu sangue redentor ele nos libertou do pecado e nos deu a nossa salvação, liberdade e vida eterna.
Quando aprendermos verdadeiramente a amar o nosso Deus e de todo coração nos entregarmos a Ele num relacionamento sincero e fiel Ele celebrará com alegria esse dia e fará em nós uma festa que jamais terá fim.
Amém e graças a Deus.  Fique na paz do Senhor Jesus Cristo

MENSAGENS DE ANIVERSÁRIO

USE O PODER DA SUA FÉ EM DEUS

RECEBA, GRÁTIS, MENSAGENS NO SEU E-MAIL

NÃO ENCONTROU? PESQUISE AQUI

Carregando...

JUNTE-SE A NÓS NO G+

SIGA-NOS E RECEBA AS NOSSAS ORAÇÕES

Arquivo do blog