Como ser uma esposa sábia e virtuosa – Mensagem evangélica

14 Porque bem sabemos que a lei é espiritual; mas eu sou carnal, vendido sob o pecado.
15 Pois o que faço, não o entendo; porque o que quero, isso não pratico; mas o que aborreço, isso faço.
16 E, se faço o que não quero, consinto com a lei, que é boa.
17 Agora, porém, não sou mais eu que faço isto, mas o pecado que habita em mim.
18 Porque eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem algum; com efeito o querer o bem está em mim, mas o efetuá-lo não está.
19 Pois não faço o bem que quero, mas o mal que não quero, esse pratico.
20 Ora, se eu faço o que não quero, já o não faço eu, mas o pecado que habita em mim.
21 Acho então esta lei em mim, que, mesmo querendo eu fazer o bem, o mal está comigo.
22 Porque, segundo o homem interior, tenho prazer na lei de Deus;
23 mas vejo nos meus membros outra lei guerreando contra a lei do meu entendimento, e me levando cativo à lei do pecado, que está nos meus membros.
24 Miserável homem que eu sou! quem me livrará do corpo desta morte?
25 Graças a Deus, por Jesus Cristo nosso Senhor! De modo que eu mesmo com o entendimento sirvo à lei de Deus, mas com a carne à lei do pecado.

Romanos 17:14 a 25


Em outras palavras: dá para entender perfeitamente que o Apóstolo Paulo está querendo nos dizer que muitas vezes ele próprio também queria ser uma pessoa diferente. Ele nos relata que ele já sentiu na carne o tentar fazer as coisas do melhor jeito possível e, infelizmente, depois ver que tudo não saiu nada parecido como ele queria.

15 Pois o que faço, não o entendo; porque o que quero, isso não pratico; mas o que aborreço, isso faço. – Romanos 17:15


Ele continua a falar e logo podemos ver que esse grande homem de Deus, iluminado pelo Espírito Santo, nos ensina a respeito desse grande mistério relativo à nossa natureza humana. O Apóstolo Paulo detalha sobre o que é que acontece conosco quando muitas vezes nós também não conseguimos fazer a coisa certa e nem conseguimos fazer o bem que gostaríamos de fazer.

17 Agora, porém, não sou mais eu que faço isto, mas o pecado que habita em mim.
18 Porque eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem algum; com efeito o querer o bem está em mim, mas o efetuá-lo não está.
19 Pois não faço o bem que quero, mas o mal que não quero, esse pratico.
20 Ora, se eu faço o que não quero, já o não faço eu, mas o pecado que habita em mim.. – Romanos 17:17 a 20

O Apóstolo Paulo é muito claro ao dizer que dentro do coração dos seres humanos não existe bem nenhum. Usando outras palavras ele está nos alertando que o homem é naturalmente mau. A natureza do homem é má. O coração do homem é corrupto e dado a maldade.
O desejo do homem é de ser bom, o espírito do homem deseja o bem, mas a natureza, o corpo, a carne, os instintos, as atitudes e as ações, lamentavelmente não agem da mesma forma.
Ao contrário do que muitos imaginam isso só vem confirmar algo que já sentimos: nós não controlamos a nossa vida. Muitas pessoas imaginam que temos algum tipo de controle. Nós não temos controle nenhum sobre todas as coisas que fazemos.

Isso quer dizer que nós não temos o controle das nossas vidas?

Não. Absolutamente não temos nenhum controle sobre a nossa existência.

Ora bolas! Quem é que controla a nossa vida então, se não somos nós então que é? É Deus?

Exatamente! É isso mesmo. É o Senhor quem controla as nossas vidas, mas tem uma condição muito importante para que Ele assuma esse comando sobre as nossas vidas. O nosso Deus não é um Deus autoritário ou dominador. Todos devem se lembrar do que nos disse o nosso Senhor Jesus Cristo:

29 Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para as vossas almas.
30 Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo e leve. Mateus 11:29 a 30
É possível perceber que o Senhor Jesus está nos pedindo para pegar o jugo, o domínio, a proteção e a companhia dEle.  Como também é claro dá para perceber que Ele não está nos impondo nada. Nós podemos aceitar o que Ele está nos oferecendo ou não. A decisão é nossa. Essa é uma das poucas, e a mias importante das decisões que somos permitidos tomar.

O nosso Criador só será o supremo comandante das nossas vidas se verdadeiramente entregarmos o controle dela para o nosso Deus, para o Senhor Jesus Cristo, e para o Espírito Santo de Deus. Caso contrário, estaremos sendo comandados não por Deus.

Se não entregarmos o controle da nossa vida para Deus quem é que vai comandar as nossas vidas então?

O Espírito Santo de Deus, por meio do abençoado Apóstolo Paulo nos explica sobre esse assunto:

20 Ora, se eu faço o que não quero, já o não faço eu, mas o pecado que habita em mim.
21 Acho então esta lei em mim, que, mesmo querendo eu fazer o bem, o mal está comigo.
22 Porque, segundo o homem interior, tenho prazer na lei de Deus;
23 mas vejo nos meus membros outra lei guerreando contra a lei do meu entendimento, e me levando cativo à lei do pecado, que está nos meus membros. - Romanos 17:20 a 23

Quem vai comandar as nossas vidas vai ser o pecado. O pecado por acaso anda sozinho? Ele surge do nada? Claro que não. Todos nós sabemos muito bem quem é o pai do pecado: é o diabo.

Se não aceitarmos o Senhor Jesus Cristo como o nosso Senhor e Deus quem estará comandando as nossas vidas será o diabo.

Muito bem!

Agora nós já sabemos o porquê é que muitos de nós fazemos tudo errado, já sabemos também porque não fazemos o bem que queremos, porque não fazemos as coisas certas, e porque na maioria das vezes, não nos comportamos como gostaríamos de nos comportar: como verdadeiros filhos de Deus e como autênticos discípulos do Senhor Jesus Cristo.

Agora uma coisa está muito bem definida:

O pecado e o pai do pecado originalmente habitam em nós. É por isso que, sozinhos, jamais conseguiremos ser pessoas melhores, esposas melhores, maridos melhores, empregados melhores, motoristas melhores, pais melhores, filhos melhores, alunos melhores, professores melhores, pastores melhores, ovelhas melhores...

E como podemos mudar isso? O que devemos fazer para mudar essa triste realidade que domina as nossas vidas?

Para isto o Filho de Deus se manifestou: para destruir as obras do Diabo.

1 João 3:8

Glorias a Deus! Aleluia! Aleluia! Louvado seja o nosso Deus Criador, o seu Santíssimo Filho e o seu maravilhoso Espírito Santo que enviou para a nossa vida essa esplêndida revelação.

24 Miserável homem que eu sou! Quem me livrará do corpo desta morte?
25 Graças a Deus, por Jesus Cristo nosso Senhor! De modo que eu mesmo com o entendimento sirvo à lei de Deus, mas com a carne à lei do pecado.
                                     
Romanos 17:24 a 25

Podemos ver que a carne sempre será e estará inclinada a servir a lei do pecado. Sendo assim podemos concluir que, constantemente, estaremos envolvidos nessa batalha espiritual entre o nosso espírito e a nossa carne que sempre estará disposta a ser malvada e rebelde.

Felizmente não estamos sozinhos nessa empreitada e temos o poderoso apoio do nosso Deus e a sua sempre disponível ajuda para nos socorrer. O Apóstolo Paulo nos ensina que o verdadeiro, seguro e único caminho que devemos seguir para que em nossas vidas e os nossos bens materiais possam ser melhores é cada dia é nos apoiarmos e confiarmos plenamente no nosso Senhor Jesus Cristo.

Para que as nossas vidas possam verdadeiramente ser melhores devemos fazer o seguinte:

Devemos imediatamente e verdadeiramente nos entregar nos braços de Deus, do Senhor Jesus Cristo e do Espírito Santo de Deus. Fazendo isso automaticamente, o Espírito Santo de Deus que passará habitar dentro de cada um de nós fará todas as mudanças necessárias nas nossas vidas. Ele nos ensinará a observar e a obedecer todos os mandamentos e orientações do nosso Deus de amor. Como conseqüência dessa entrega, certamente, tudo será transformado e conformado segundo o coração do Senhor por que:

2 Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não é manifesto o que havemos de ser. Mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele; porque assim como é, o veremos.
3 E todo o que nele tem esta esperança, purifica-se a si mesmo, assim como ele é puro.
4 Todo aquele que vive habitualmente no pecado também vive na rebeldia, pois o pecado é rebeldia.
5 E bem sabeis que ele se manifestou para tirar os pecados; e nele não há pecado.
6 Todo o que permanece nele não vive pecando; todo o que vive pecando não o viu nem o conhece.
7 Filhinhos, ninguém vos engane; quem pratica a justiça é justo, assim como ele é justo;
8 quem comete pecado é do Diabo; porque o Diabo peca desde o princípio. Para isto o Filho de Deus se manifestou: para destruir as obras do Diabo.

1 João 3:2 a 8

Desta forma, já não viveremos e nem daremos mais espaço para que o pecado e nem o pai do pecado venham a agir nas nossas vidas pois:

Pelo que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. - 2 Coríntios 5:17
Oremos:
Meu Deus e meu pai, no nome do Senhor Jesus Cristo enviai para a minha vida o vosso Espírito Santo para que Ele faça em mim, na minha vida e na minha família uma profunda obra de transformação.
Senhor! No nome do Senhor Jesus Cristo estou muito cansado de errar, estou cansado de sofrer por causa de coisas que eu já tentei, mas que hoje assumo não ter sabedoria  e nem forças para controlar.
Senhor! Tende misericórdia de mim. Envie para a minha vida o seu maravilhoso Espírito Santo para que Ele me proteja, tome conta das minhas emoções, dos meus sentimentos, dos meus pensamentos, do meu coração, da minha inteligência, que Ele me dê sabedoria, fortaleza, fé e que Ele mude completamente todo o meu agir.
Amém e graças a Deus. Fique na paz do Senhor Jesus Cristo.

PESQUISE AQUI

PESQUISE AQUI

PESQUISAR NESTE BLOG

Carregando...

GRÁTIS - MENSAGENS DE FÉ NO SEU E-MAIL

VEJA TAMBÉM

JUNTE-SE A NÓS NO G+

SIGA-NOS E RECEBA AS NOSSAS ORAÇÕES