Como restaurar o meu casamento – Mensagem evangélica

  
A palavra reconquistar quer dizer conquistar novamente.

Isso quer dizer que um dia, lá no passado, houve uma conquista, houve um conquistador e houve também alguém que se deixou conquistar. Em outras palavras ouve um encantamento, houve um amor e houve uma entrega por parte de ambos e que, infelizmente, hoje, esse grande momento de alegria e felicidade já não se faz presente porque ele foi totalmente encoberto ou apagado pelos erros e desentendimentos do dia a dia.

Como sabemos tudo isso é muito normal. Os desentendimentos e desencantos fazem parte das nossas vidas. Nós mudamos um pouco todos os dias. Creio que nenhuma pessoa consiga manter-se sempre bem, correta e sem pecar.

Não podemos nos esquecer que os homens e mulheres são fracos e que o nosso coração é naturalmente inclinado a corrupção e à prática do pecado. Nós somos por natureza pecadores. Todos nós erramos.

Muito bem! Já sabemos que o homem e a mulher são fracos e que são pecadores, conseqüentemente eles acabam cometendo pecados e erram.

A nossa condição de pecadores nos inclina a pratica do pecado, por isso é que não devemos nos abandonar nas mãos da nossa iludida e pecaminosa natureza carnal, e sim, procurarmos com perseverança alguma coisa que mude essa nossa tendência maligna para praticar o pecado e todo tipo de malignidade.

Todo relacionamento entre um homem e uma mulher é feito de amor, respeito, cumplicidade, companheirismo e amizade. Quando assumimos um relacionamento devemos ter sempre em mente que estamos numa união muito forte. Uma união sagrada. Devemos fazer o possível e o impossível para anularmos a nossa natureza carnal e alimentarmos dia após dia a nossa tão esquecida natureza espiritual.
Isso é fundamental para que possamos manter qualquer relacionamento humano em paz, harmonia, fidelidade, respeito, companheirismo e felicidade.  Isso também é muito importante para os nossos casamentos

Somente a presença poderosa do nosso Deus, do Senhor Jesus Cristo e do Espírito Santo de Deus pode dar ao casal a base necessária para que o inimigo de Deus e os seus demônios não consigam ter sucesso na destruição dos nossos relacionamentos.

Como deve ser do conhecimento de todos: a família é o berço da igreja, é o berço do povo de Deus. É por isso que a primeira coisa que o inimigo de Deus ataca é o casamento e os relacionamentos familiar.

Como ele faz isso?

Ele age basicamente na sexualidade do casal. Ele sabe exatamente que esse é o ponto mais fraco do homem e da mulher. Se por ventura ele se depara com um casal que possua um relacionamento sexualmente sólido e equilibrado ele vai atacar outras áreas como a financeira e a da saúde. Há casos em que o ataque do inimigo é total e ele acaba conseguindo a destruição não só do relacionamento, mas também a destruição da família, incluindo aí os filhos.  

Vamos voltar para o nosso tema principal: Como reconquistar o amor?


Para facilitar vamos analisar a questão de duas situações possíveis:


Primeira situação: Eu fui traído. Eu fui traída


A pessoa que sofre uma traição experimenta uma das piores dores que um ser humano pode experimentar: A dor de ser enganado pela pessoa em quem ela mais confiava. A decepção de ser enganada pela metade dela mesma, pois a Palavra de Deus nos revelou que, quando unidos no santo matrimônio já não somos mais dois, e sim, uma só pessoa.

Diante disso, qualquer pessoa que não tenha experimentado essa terrível dor já pode ter uma pequena idéia do grande sofrimento que ela traz.

O fato é: Fui traída. Fui traído. E agora? O que eu faço?

Bem, a Palavra de Deus só permite o divórcio em caso de infidelidade.

Sendo assim, se você foi traída, se você foi traído saiba que a palavra de Deus lhe dá todo apoio caso você queira se divorciar e procurar um novo relacionamento.

Entretanto,

O nosso Deus é um Deus de perdão. É um Deus misericordioso que não mede esforços em perdoar os erros dos seus filhos. É isso que Ele espera de nós também. O Senhor diz que Ele quer misericórdia e não sacrifícios. Ele nos pede que tenhamos sempre um coração aberto a perdoar. Aberto a restauração.

Saiba que, mesmo que você tenha sido traído ou tenha sido traída não pense que tudo acabou. Saiba que você ainda pode ser muito feliz ao lado da pessoa que você ama.   Eu sei que a dor, a magoa, o rancor, a desconfiança é imensa. Sentir isso é algo natural e perfeitamente compreensível.

Talvez o que você não saiba é que o seu perdão tem o poder de trazer uma benção muito especial para o seu relacionamento. O seu perdão pode abrir as portas para a salvação do seu marido ou da sua esposa. O seu perdão pode fazer toda a diferença tanto para a felicidade do seu marido ou esposa quanto para a sua própria felicidade.

Procure lembra-se de como o Senhor Jesus Cristo tratou a mulher adúltera. Veja a maravilha e a restauração que o perdão do Senhor fez na vida daquela  mulher. Da mesma forma jamais podemos nos esquecer da transformação e restauração que experimentamos nas nossas vidas por causa do amoroso perdão que recebemos do nosso Senhor Jesus Cristo. Nós também não merecíamos o perdão, mesmo assim Ele nos perdoou.

Se você conseguir passar por cima da mágoa, do rancor e da desconfiança não tenham medo de perdoar o seu companheiro ou companheira. Não tenha receio em dar uma nova chance para a pessoa que você ama. Afinal de contas todos nós estamos sujeitos a errar e, assim como eles, gostamos de receber o perdão quando o solicitamos com arrependimento e sinceridade de coração.

Como já dissemos anteriormente o inimigo de Deus quer exatamente isso: a destruição dos nossos relacionamentos, dos nossos casamentos, das nossas famílias e dos nossos filhos. Não podemos nos esquecer que o diabo só veio para roubar, matar e destruir.

Mesmo diante do seu sofrimento pense nisso. Não dê espaço para que o diabo endureça o seu coração e que ele venha a ter sucesso com a destruição da sua família.

Eu estou pensando em perdoar, mas e se ele ou ela me trair de novo?

Aqui está um ponto importantíssimo.

Quando você perdoar alguém por causa de infidelidade é importante que fique bem claro o que está acontecendo. Explique para a pessoa que você está perdoando e apostando na restauração do relacionamento e que você não aceitará mais a infidelidade.

Seja firme. Confie em Deus e peça sempre ao Senhor que lhe dê amor e sabedoria para pensar, sentir e agir.

Não deixe de ler o texto a respeito da segunda situação, a situação de quem traiu. A situação do traidor.


Segunda situação: Eu fui o traidor. Eu fui à traidora


Acredito que ninguém mais do que você mesmo ou você mesma possa estar se condenando pelos erros que você cometeu.

Você não sabia bem o estava fazendo. Você vivia longe do Senhor Jesus Cristo. Você não tinha base, não tinha entendimento e nem a proteção do Senhor consigo. Por isso você foi alvo fácil para as armadilhas do diabo.

E agora o que fazer?
E agora que a sua esposa ou marido já não te quer mais?
E agora? Quanto sofrimento e destruição. Tudo isso por causa de alguns momentos de prazer?

Muitos pensam que a dor só existe para quem sofreu a traição, mas a dor do traidor também é grande, pois é uma pessoa que dia após dia luta para não cair no pecado e, por estar longe dos caminhos de Deus acaba sendo presa fácil para as armadilhas do diabo. É uma pessoa fraca espiritualmente. Eu já fui e creio que todos nós já fomos fracos espiritualmente. O que seria de nós se não contássemos com a graça e com a fortaleza do nosso Senhor Jesus Cristo.

O fato é que o erro foi cometido e ele precisa ser reparado.

A palavra de Deus nos alerta que o salário do pecado é a morte. A palavra de Deus não é brincadeira. Quando Ele na sua maravilhosa lei de amor nos ordena para que não adulteremos não só contra Ele, mas também nos nossos relacionamentos, Ele não está querendo nos tirar a liberdade como alguns pensam, e sim, nos dar mais liberdade ainda.

Se alguém se encontra nessa situação de traidor ou traidora, essa pessoa, hoje, está justamente encarcerada em uma das muitas armadilhas que o inimigo utiliza para nos levar a destruição.

É justamente sobre isso que a palavra de Deus nos adverte. O Senhor nos disse que o inimigo veio para roubar, matar e destruir. Nesse caso: roubar a felicidade do casal, matar o amor, o respeito, o companheirismo. Tudo isso com uma finalidade muito clara: Destruir tudo! Destruir a felicidade da pessoa que traiu. Destruir a felicidade da pessoa que foi traída. Destruir os filhos e destruir toda a família.

E agora o que fazer? Quem está numa situação dessas deve fazer o quê?

Quero deixar aqui algumas sugestões que podem lhe ajudar:
Se você quer mudar de vida, se você já cansou de ser usado pelo inimigo e quer fazer tudo diferente então faça isso:

Entregue verdadeiramente o seu coração ao Senhor Jesus Cristo;
Arrependa-se dos seus pecados;
Peça ao Senhor Jesus Cristo que perdoe os seus erros e pecados;
Peça ao Senhor Jesus Cristo que lhe dê sabedoria para pensar, para sentir e para agir;
Procure batizar-se nas águas;
E por fim, se houver amor e uma vontade sincera e verdadeira de reaver a sua família e andar nos caminhos do Senhor, que você vá até a sua esposa ou marido e lhe peça perdão.
Diga- lhe que você errou terrivelmente e que, hoje, você tem o conhecimento dos seus erros. Hoje você é outra pessoa. É uma pessoa transformada e remida no Sangue do Cordeiro. Diga ainda que, você é uma pessoa que além de amar, respeitar, é uma pessoa fiel e temente a Deus.

Mas tem um, porém em tudo isso. Não diga nada da boca para fora. Não use de mentira e de enganação. Lembre-se: Com Deus não se brinca.


E se a minha esposa ou marido não quiser me perdoar?
E se o meu marido ou esposa não quiser recomeçar?


Meu irmão, minha irmã, Infelizmente! Esse é um direito que ela ou ele têm.

Lembra:

O salário do pecado é a morte. Se houve pecado conseqüentemente haverá morte. Nesse caso a morte do seu relacionamento. A morte da sua família. Isso se o seu companheiro ou companheira não lhe perdoar.

Se o perdão não ocorrer ou se o perdão ocorrer, mas a pessoa não quiser viver mais ao seu lado, não se desespere e nem faça nada que você venha a se arrepender mais tarde.

Não brigue e nem discuta. Procure sempre conversar calmamente. Respeite a decisão da outra pessoa, siga em frente e pense numa forma de recomeçara a sua vida.

Não desista. Entregue o seu coração e o seu destino nas mãos do Senhor Jesus Cristo e vá procurar outra pessoa. O Pai haverá de apagar todos os seus erros e pecados do passado e, certamente, Ele não medirá esforços para lhe dar uma nova família totalmente abençoada porque será uma união construída na companhia e nas bênçãos do Senhor.

Amém e graças a Deus. Fique na paz do Senhor Jesus Cristo.

JUNTE-SE A NÓS NO G+

SIGA-NOS E RECEBA AS NOSSAS ORAÇÕES

GRÁTIS - MENSAGENS DE FÉ NO SEU E-MAIL

PESQUISAR NESTE BLOG

Carregando...

COMO COLAR?

CURSOS GRATUITOS

Translate