Feliz sábado do Senhor - Mensagens Evangelicas da Palavra de Deus

13 Tendo Jesus chegado às regiões de Cesaréia de Felipe, interrogou os seus discípulos, dizendo: Quem dizem os homens ser o Filho do homem?
14 Responderam eles: Uns dizem que é João, o Batista; outros, Elias; outros, Jeremias, ou algum dos profetas.
15 Mas vós, perguntou-lhes Jesus, quem dizeis que eu sou?
16 Respondeu-lhe Simão Pedro: Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo.
17 Disse-lhe Jesus: Bem-aventurado és tu, Simão Barjonas, porque não foi carne e sangue que to revelou, mas meu Pai, que está nos céus.

21 Desde então começou Jesus Cristo a mostrar aos seus discípulos que era necessário que ele fosse a Jerusalém, que padecesse muitas coisas dos anciãos, dos principais sacerdotes, e dos escribas, que fosse morto, e que ao terceiro dia ressuscitasse.
22 E Pedro, tomando-o à parte, começou a repreendê-lo, dizendo: Tenha Deus compaixão de ti, Senhor; isso de modo nenhum te acontecerá.
23 Ele, porém, voltando-se, disse a Pedro: Para trás de mim, Satanás, que me serves de escândalo; porque não estás pensando nas coisas que são de Deus, mas sim nas que são dos homens.

Mateus 16:13 a 17 e 21 a 23

Nessa passagem bíblica podemos perceber que o abençoado Apóstolo Pedro recebeu uma revelação do Espírito Santo de Deus a respeito de quem era verdadeiramente o Senhor Jesus Cristo.

Uma pessoa só pode receber alguma revelação da parte do Senhor se nEle habitar o Espírito Santo de Deus. Sendo assim podemos dizer que no momento da revelação que o Apóstolo Pedro recebeu de Deus ele estava cheio do Espírito Santo, e nesse estado ele disse:

Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo. Mateus 16:16

E foi o próprio Senhor Jesus quem revelou isso:

Bem-aventurado és tu, Simão Barjonas, porque não foi carne e sangue que to revelou, mas meu Pai, que está nos céus. Mateus 16:17

Entretanto, mesmo estando o abençoado Apóstolo Pedro cheio do Espírito Santo de Deus, mesmo com o coração cheio de amor e fidelidade ao Senhor, e ainda caminhando, dia após dia, em comunhão com Senhor Jesus, isso não foi para ele uma garantia permanente de que ele não seria atacado pelo insistente inimigo de Deus.

É impressionante a condição humana. Podemos estar num instante em grande comunhão com o Senhor, podemos estar debaixo de infinitas bênçãos e carregados do Espírito Santo de Deus e, num piscar de olhos, passarmos da condição de bem aventurados e abençoados para uma condição de simples pecadores e de dominados pelas coisas do maligno e pelo pai do pecado.

Por que estamos sujeitos a isso?

Porque somos desobedientes. Porque somos arrogantes. Porque não ouvimos a voz do nosso Deus.

Quando o Apóstolo Pedro fez questão de colocar as suas opiniões, interesses e  pensamentos  no lugar das Palavra do nosso Senhor Jesus Cristo ele abiu as portas do coração dele para a ação e para as obras do maligno.   

Vamos dar um exemplo atual e muito prático:

Ouçamos essa maravilhosa Palavra do Nosso Deus:

Lembra-te do dia do sábado, para o santificar. Seis dias trabalharás, e farás todo o teu trabalho; mas o sétimo dia é o sábado do Senhor teu Deus. Nesse dia não farás trabalho algum, nem tu, nem teu filho, nem tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o estrangeiro que está dentro das tuas portas. Porque em seis dias fez o Senhor o céu e a terra, o mar e tudo o que neles há, e ao sétimo dia descansou; por isso o Senhor abençoou o dia do sábado, e o santificou.

Êxodo 20:4

É interessante notarmos a palavra inicial:

Lembra-te do dia do sábado, para o santificar. Êxodo 20:4

Será que foi por acaso que o nosso Deus começou essa Palavra desse jeito. Claro que não! Quem melhor do que o nosso Deus para nos conhecer e saber onde íamos escorregar. Fica evidente que Ele como um pai amoroso que é, e que jamais se cansa de nos advertir, nos deixou essa impressionante lembrança para nos abençoar e assim não viéssemos a erar por falta de aviso:

Lembra-te do dia do sábado, para o santificar. Êxodo 20:4

E o que as pessoas e nós fazemos:

Não escutamos o nosso Deus;
Não obedecemos ao nosso Deus;
Santificamos e guardamos o domingo no lugar do sábado, isso quando nos lembramos de guardar  algum dia para o Senhor;
Preferimos Escutar a voz dos nossos próprios interesses;
Preferimos dar mais valor as coisas da carne do que aquilo que é do espírito

De que adianta nós dizermos por aí que amamos o nosso Deus, que fazemos  essa boa obra, que damos os dízimos e ofertas, que ajudamos esse ou aquele, que geramos muitos e muitos empregos, que fazemos e acontecemos se não ouvirmos e não obedecermos o que diz os ensinamentos e mandamentos que o nosso Deus está nos dizendo. Ora! Se continuarmos a contradizer a Palavra de Deus que nos pede para honrar e santificar o dia de sábado que é o dia DEle. Não estaríamos agindo como o agiu o Apóstolo Pedro? Não foi isso que aconteceu naquele dia?  

Ora! Se estamos agindo como agiu o Apóstolo Pedro naquela ocasião também haveremos de ouvir do nosso Deus as mesmas Palavras que ele ouviu:

23 Ele, porém, voltando-se, disse a Pedro: Para trás de mim, Satanás, que me serves de escândalo; porque não estás pensando nas coisas que são de Deus, mas sim nas que são dos homens. Mateus 16:23

E por que o Senhor Jesus Disse isso para o Apóstolo Pedro?

Porque ele não ouviu o que disse o Senhor. Porque ele não deu crédito às Palavras do Senhor Jesus Cristo. Porque ele preferiu ouvir a voz do seu coração a ouvir a voz do coração do seu Deus e Criador.

Quando nos esquecemos de santificar o dia sábado, o verdadeiro dia do Senhor, não estamos fazendo a mesma coisa?

Hoje, A decisão é nossa. Agora já conhecemos a verdade. Vamos continuar a ouvir a voz do nosso coração, a voz do mundo e a voz do maligno ou vamos ouvir a voz do nosso Deus de Amor:

Lembra-te do dia do sábado, para o santificar. Êxodo 20:4


Fique na paz do Senhor Jesus Cristo. Amém e graças a Deus.

PESQUISE AQUI

PESQUISE AQUI

PESQUISAR NESTE BLOG

Carregando...

GRÁTIS - MENSAGENS DE FÉ NO SEU E-MAIL

VEJA TAMBÉM

COMO COLAR?

CURSOS GRATUITOS

JUNTE-SE A NÓS NO G+

SIGA-NOS E RECEBA AS NOSSAS ORAÇÕES

Translate

CURSOS GRATUITOS